DEFENDENDO A FÉ DESDE 1536; Sola Scriptura, sola Gratia, sola Fide, soli Deo Glória, solus Christus;

DEFENDENDO A FÉ DESDE 1536; SOLA SCRIPTURA, SOLA GRATIA, SOLA FIDE, SOLI DEO GLÓRIA, SOLUS CHRISTUS; Amados, quando empregava toda a diligência em escrever-vos acerca da nossa comum salvação, foi que me senti obrigado a corresponder-me convosco, exortando-vos a batalhardes, diligentemente, pela fé que uma vez por todas foi entregue aos santos. Judas:3;

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

UMA SÓ CARNE: Gn:2.18-25;

Alguns países aprovaram uma lei que permite duas pessoas do mesmo sexo se “casarem”, afirmam que não é um casamento, mas um contrato? mas qual a finalidade do casamento? Com base em que lei foi aprovada esta união? Esta união pode prosperar? Vejamos algumas proposições!
(1). O casamento é uma instituição divina; Deus o criou com propósitos e regras estabelecidas por Ele mesmo, Deus é o único Juiz e Legislador de como as pessoas devem se unirem em uma só carne. Mt:19.4-6; e qualquer decisão contrária ao que Deus estabeleceu em sua Palavra, trará juízos temporais e eternos sobre aqueles que não guardam a Lei de Deus. Is:5.20,21,24,25; qualquer orientação sexual contrária a Lei de Deus é de origem maligna. 1Tm:4.1-3;
(2). No relato histórico da criação da mulher, Deus disse: “Não é bom que o homem esteja só. Far-lhe-ei uma auxiliadora que lhe corresponda Gn:2.18; Deus criou a mulher por causa do homem. 1Co:11.9; A causa foi a solidão de Adão, Deus já sabia pela sua presciência que Adão iria se sentir só, Ele poderia ter criado a mulher no momento que criou Adão; mas Deus tencionava despertar no homem um sentimento que estava faltando algo em sua vida, e isto foi concretizado quando Adão viu que todos animais tinham suas parceiras, e não havia uma auxiliadora que lhe correspondesse. Gn:2.19-20; Deus pela sua providência criou a mulher tomando uma costela de Adão e a trouxe a ele. Gn:2.21-22; Temos aqui o primeiro casamento, a primeira união entre um homem e uma mulher, os dois foram feitos um para o outro no sentido mais pleno do termo, onde cada um recebeu da parte de Deus qualidades que se completam e suprem suas necessidades; quando Adão viu Eva pela primeira vez afirmou que ela é osso dos meus ossos, e carne da minha carne. Gn:2.23; Temos aqui “amor a primeira vista” Adão não estava apenas se referindo ao aspecto físico de Eva, como que ela foi formada da mesma substância dele, mas que ele a amou de todo o seu ser, como a si mesmo. Ef:5.25,28,29;
(3). Quando Adão se uniu a sua esposa em uma só carne, ele passou a ter a responsabilidade de cuidar dela como o chefe da família. Gn:2.24; Ele é o cabeça da mulher e Cristo o cabeça de toda a sua família. Ef:5.23; Deve amá-la e tratá-la bem. Cl:3.19; Deve viver com ela com entendimento e honrá-la. 1Pe:3.7; Deve ser fiel a ela do mesmo jeito que ele exige dela. Hb:13.4; Deve se alegrar com a mulher que escolheu para casar na mocidade por toda a sua vida. Pv:5.18; Deve exercer autoridade como quem dá primeiro o exemplo, fazendo com que sua esposa e seus filhos se submetam voluntariamente Cl:3.18-21; Porque a esposa e os filhos são bênçãos de Deus para o marido Pv:18.22; portanto quanto mais o marido se esforçar em cuidar da sua família, tendo a Bíblia como única regra de fé e prática, conquistará cada vez mais o respeito e a admiração da sua esposa. Cl:3.18; e de seus filhos. Ef:6.1-3; porém é dever da esposa ser submissa ao marido mesmo que ele não seja obediente á Palavra de Deus 1Pe:3.1; exceto que ele a obrigue a pecar Ef:5.22;
(4). Apenas a união entre um homem e uma mulher pode satisfazer as necessidades de cada um, Deus os criou para se amarem e frutificar a Terra. Gn:1.27-28; pois o fruto do amor são os filhos. Sl:127.3; esta é a única união aprovada por Deus, foi por isso que Adão e Eva não se envergonhavam. Gn:2.25; Eles tinham a consciência limpa não estavam fazendo nada contrário a Vontade de Deus; ao contrário a união entre duas pessoas do mesmo sexo não gera descendente, não prospera.
Qualquer união contrário a Lei de Deus trará sobre si a reprovação de Deus Lv:18.6-23; Tanto daqueles que praticam como daqueles que aprovam os que praticam ou não tem nada contra. Rm:1.26-32; para aqueles que estão nessas práticas contrária a natureza e a Lei de Deus; arrependei-vos enquanto é tempo e buscai o Senhor enquanto se pode achar; porque o juízo de Deus será sem misericórdia para aqueles que morrer nessas práticas. Hb:9.27; ou Cristo voltar. Amém! Pb. Silvio Romero Santos.

Nenhum comentário: