DEFENDENDO A FÉ DESDE 1536; Sola Scriptura, sola Gratia, sola Fide, soli Deo Glória, solus Christus;

DEFENDENDO A FÉ DESDE 1536; SOLA SCRIPTURA, SOLA GRATIA, SOLA FIDE, SOLI DEO GLÓRIA, SOLUS CHRISTUS; Amados, quando empregava toda a diligência em escrever-vos acerca da nossa comum salvação, foi que me senti obrigado a corresponder-me convosco, exortando-vos a batalhardes, diligentemente, pela fé que uma vez por todas foi entregue aos santos. Judas:3;

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Cremos e Confessamos (Um Resumo da Fé Reformada)


Esboço preparado para esclarecer suas dúvidas, numa seqüência simples e lógica de proposições.A DOUTRINA DA ESCRITURA SAGRADA1. É a Palavra de Deus2. É a especial revelação de Deus3. É uma revelação histórico-progressiva4. É cessada a transmissão desta revelação especial em outros modos5. É inspirada verbal, plenária e organicamente pelo Espírito Santo6. É dada através de homens escolhidos e capacitados7. É inerrante em cada uma das suas declarações8. É claramente inteligível a todos9. É iluminada pelo Espírito para o nosso entendimento espiritual10. É completo o seu conteúdo11. É suficiente para a nossa salvação12. É pública, ou seja, todos têm direito ao livre exame13. É necessário traduzi-la em língua vernáculo14. É autoridade final em toda discussão e resolução15. É a nossa única fonte e regra de fé e práticaA DOUTRINA DE DEUS1. É um só Deus em três Pessoas: Pai, Filho e Espírito Santo2. É perfeito, imutável, independente, infinito, eterno3. É pessoal em toda relação com a sua criação4. É santo, bondoso, sábio, justo, verdadeiro em seu Ser5. É possível conhecê-lo suficientemente6. É impossível compreendê-lo exaustivamente7. É criador de todas as coisas em seu estado de perfeição8. É providente em todas as suas obras9. É seu o completo controle de cada detalhe e tudo o que acontece no universo10. É absolutamente soberano sobre tudo e todos11. É verdadeiro galardoador daqueles que o buscamA DOUTRINA DO HOMEM1. É criado à imagem de Deus2. É constituído corpo e alma3. É ordenado formar uma família: homem e mulher4. É decaído em pecado5. É escravo do pecado e perdeu o seu livre-arbítrio6. É imputado o seu pecado sobre toda a sua descendência7. É sofredor das conseqüências do seu pecado8. É incapaz de se salvar, ou de preparar-se para isso9. É maldito e condenado por causa do seu pecado10. É uma única família em várias raças11. É ordenado viver os mandatos social, cultural e espiritualA DOUTRINA DA PESSOA E OBRA DE CRISTO1. É Deus-homem2. É verdadeiro Deus em todos os seus atributos3. É verdadeiro homem em toda a sua constituição4. É o revelador do Pai e da sua vontade eterna5. É encarnado da virgem Maria por obra sobrenatural do Espírito6. É impecável, todavia, pode realmente ser tentado7. É nosso único representante diante de Deus8. É nosso Mediador na nova Aliança9. É o prometido Profeta que nos traz a Palavra do Pai10. É o perfeito Sacerdote que intercede por nós11. É o soberano Rei que inaugura o Reino de Deus sobre nós12. É nosso suficiente, satisfatório e definitivo sacrifício diante do Pai13. É limitada a expiação em seu propósito de salvar somente os eleitos14. É intercessor eficaz à destra do Pai15. É seu cada dom concedido pelo Espírito Santo aos salvos16. É gracioso doador dos seus méritos ao seu povo17. É a nossa justiça, santidade e sabedoria18. É Senhor sobre tudo o que existe19. É esperado o seu retorno físico num futuro não reveladoA DOUTRINA DA SALVAÇÃO1. É planejada na eternidade2. É garantida pela graciosa e livre eleição de Deus3. É fundamentada na obra expiatória de Cristo4. É exercida na Aliança com o Pai, por meio do Filho, no Espírito Santo5. É aplicada em nós pelo Espírito Santo6. É iniciada em nós na regeneração7. É proclamada pelo chamado universal do evangelho8. É evidenciada pela fé e arrependimento9. É declarada na justificação10. É familiarizada na adoção11. É comprovada pela santificação12. É continuada até o fim pela preservação na poderosa graça13. É consumada na glorificação, após o juízo finalA DOUTRINA DO ESPIRITO SANTO1. É verdadeiro Deus em todos os seus atributos2. É a terceira Pessoa da Trindade3. É o consolador prometido procedente do Pai e do Filho4. É quem inspirou a toda a Escritura Sagrada5. É quem nos batiza no Corpo de Cristo6. É o regenerador e vivificador dos eleitos de Deus7. É quem nos ilumina para o correto entendimento da Palavra de Deus8. É testemunha da obra de Cristo em nosso favor9. É aquele que internaliza em nós a obra da salvação10. É quem nos convence do pecado, da justiça e do juízo11. É quem testifica em nosso coração a filiação de Deus12. É o penhor e selo da nossa salvação13. É quem frutifica as virtudes de Cristo para a santificação14. É o comunicador dos dons de Cristo15. É agente que torna real a nossa comunhão com toda a Igreja de CristoA DOUTRINA DA IGREJA1. É o glorioso corpo de Cristo2. É composta de todos os eleitos de Deus3. É visível pela confissão pública de fé em Cristo4. É una, santa e universal5. É pura pela fiel pregação da Palavra de Deus6. É confirmada pura pelo correto exercício dos Sacramentos7. É selado na Aliança pelo batismo o crente e a sua descendência8. É na Ceia do Senhor celebrada a comunhão da presença espiritual de Cristo9. É purificada pela justa e amorosa aplicação da Disciplina10. É testemunha da glória de Deus11. É comunicadora do evangelho da salvação em Cristo Jesus12. É educadora em treinar discípulos para servir inteligentemente16. É um instrumento de influência para preservar e transformar a sociedade13. É serva num mundo corrompido pelo pecado14. É adoradora do soberano Deus Trino15. É governada pela pluralidade de presbíteros numa igreja local16. É cooperadora em toda obra do Reino de DeusA DOUTRINA DOS ÚLTIMOS ACONTECIMENTOS1. É inaugurado, mas não consumado (já-ainda-não) o Reino de Deus2. É pessoal na sua realização3. É universal em sua extensão4. É esperado o retorno físico de Cristo Jesus5. É verdadeira a promessa da ressurreição final6. É absolutamente certa a vitória sobre o mal e seus agentes7. É inevitável o julgamento de todos os homens8. É real o lugar de punição eterna que os condenados sofrerão9. É ansiada a restauração de toda a criação10. É a consumação final de toda obra da providência11. É gracioso o galardão que os salvos receberão12. É eterna a habitação de Deus com o seu povo escolhido

Nenhum comentário: