DEFENDENDO A FÉ DESDE 1536; Sola Scriptura, sola Gratia, sola Fide, soli Deo Glória, solus Christus;

DEFENDENDO A FÉ DESDE 1536; SOLA SCRIPTURA, SOLA GRATIA, SOLA FIDE, SOLI DEO GLÓRIA, SOLUS CHRISTUS; Amados, quando empregava toda a diligência em escrever-vos acerca da nossa comum salvação, foi que me senti obrigado a corresponder-me convosco, exortando-vos a batalhardes, diligentemente, pela fé que uma vez por todas foi entregue aos santos. Judas:3;

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Deus Rejeitou Caim, mas Aceitou Abel


Qual seriedade do pecado?E se Alguém recusa crer em Deus e decide desobedecer-Lhe? Poderia você dizer: Bem, é problema dele, se ele quer fazer isso que faça? O pecado de um homem afeta outras pessoas? Pode de um homem resolver de alguma forma o problema do seu pecado? É verdade que cada pessoa pode escolher seu próprio meio de chegar a Deus? Será que, realmente, Deus não aceitará nenhum esforço sincero que fizermos? Vejamos quais as respostas que Deus nos dá a essas perguntas ao estudarmos a história de Caim e Abel, Filho de Adão e Eva , e seus descendentes. Deus lhes havia dito o que deveriam fazer quando fossem adora-lO. Não havia nenhum modo pelo qual Adão e Eva ou Caim e Abel pudesse chegar-se a Deus. Todos eram pecadores, e Deus odeia o pecado. Estavam separados de Deus. O castigo pelo pecado é a morte.Não podiam dar coisa alguma a Deus para pagar por seus pecados. Mas Deus planejou um meio para que eles pudessem chegar-se a Ele. Não foi o meio do homem. Foi Deus quem escolheu esse meio. Ninguém mais poderia prescrever um meio para eles. Deus prescreveu um meio para eles porque os amava. Deus deve ter dito a Adão e Eva o que eles deveriam fazer se quisessem chegar a Ele. Como oferta a Deus, Caim trouxe as coisas que havia plantado. Mas Deus não aceitou Caim ou sua oferta. Por que não? Será que foi porque as coisas que Caim plantou e truxe a Deus não eram boas? Será que foi porque Deus não gostava de coisas plantadas no solo? Não foram esses os motivos. Deus rejeitou a oferta de Caim porque ele era mais pecador do Abel? Não foi essa a razão porque Deus não aceitou. Tanto Caim como Abel eram pecadores. É importante que esclareçamos em nossas mentes por que Deus rejeitou Caim e sua oferta, mas aceitou Abel e sua oferta. O livro de Hebreus nos dá algum esclarecimento sobre esse assunto. Em Hebreus 11 Deus diz que sem fé é impossível agrada-lO. Ele também nos diz que Abel era um homem de fé; Caim não era. No livro de Romanos, Deus nos diz que a fé está sempre baseada na Sua Palavra. Romanos 10:17 diz: ¨...a fé vem pela pregação e a pregação pela palavra de Cristo.¨ Aproximar-se de Deus através de qualquer outro meio que não seja aquele que Deus nos diz é presunção e pecado. Deus rejeitará o homem que tentar vir até Ele através de seu próprio meio. Tudo o que se origina no homem é inaceitável a Deus. Nestas bases podemos ter certeza de que a confiança de Abel dependia de uma clara diretriz dada por Deus. E deve ter sido; do contrário, sua oferta não teria sido aceita por Deus. Uma outra indicação de que Abel estava seguindo o mandamento de Deus é enfatizada através da ação de Abel ao trazer também para Deus a gordura do cordeiro. Mais tarde, nas Escrituras, Deus ordena Israel, ou seja, o povo hebreu, que traga a gordura para Ele. Sugerir que trazer a gordura de animais até Deus originou-se em Abel é contrário à ênfase das Escrituras. Deus não aceita coisa alguma que se origine do homem. Deus rejeitou Caim e sua  oferta porque: Caim não se aproximou de Deus admitindo que era pecador. Ele se aproximou de Deus a seu próprio modo, conforme suas próprias ideias, e não pelo meio que Deus havia ordenado. Caim não acreditava no que Deus dizia. Ele não confiava no meio pelo qual Deus lhe tinha dito para aproximar-se dEle. Foi por isso que Deus o rejeitou. Você lembra como Deus rejeitou as roupas de Adão e Eva fizeram para si? Por que Deus recusou aceitar as vestimentas que eles fizeram? Porque Deus queria mostrar-lhes que não poderiam tornar-se aceitáveis a Ele através de coisa alguma que fizessem. Teria que ser feito do modo de Deus. Os animais tiveram que morrer, e seu sangue teve que ser derramado para que Adão e Eva pudessem ter roupas que fossem aceitáveis a Deus. Da mesma forma com Caim e Abel. Deus não os aceitaria a não ser que confiassem nEle e se aproximassem do modo que havia dito. Deus só aceitaria se trouxessem um cordeiro e o matassem, derramando seu sangue. Abel cria em Deus e aproximou-se conforme a amaneira de Deus, então Deus o aceitou. Caim aproximou-se confiando em seu próprio meio, e Deus o rejeitou. Deus não mudou; Ele ainda é o mesmo hoje. Apesar de não mais nos mandar sacrificar ovelhas, Ele ainda estipula o único caminho pelo qual alguém pode aproximar-se dEle. Nós também devemos nos aproximar da maneira de Deus; do contrário, Ele nos rejeitará como rejeitou Caim. Imagine um galho que foi retirado da árvore e secou. Ele morreu porque foi separado da árvore. E se você tentasse pôr de volta este galho morto na árvore para que novamente ele pudesse receber a vida da árvore? Se você amarrasse o galho de volta na árvore, ele voltaria a viver? Será que as folhas ficariam verdes de novo e o galho voltaria a crescer? Você acha que seria capaz de pôr de volta o galho na árvore para que ele tivesse vida novamente? Não, você não pode pôr um galho morto de volta na árvore para que ele torne a viver. Foi separado da árvore e você não pode pô-lo de volta. Parece que há muitas pessoas que gastam uma boa parte de suas vidas tentando encontrar uma maneira de se “recolocar” na fonte de vida espiritual. Seus esforços podem incluir atividades que as deixam parecer muito religiosas: ir a igreja, dar dinheiro para igreja, praticar toda sorte de “boas obras”, ser uma ”boa pessoa”. Você pode lembrar-se de outros exemplos desse tipo de autoesforço para se aproximar de Deus? Uma vez que todos nasceram pecadores, fomos separados de nossa fonte de vida, que é Deus. Mas não há absolutamente nada que possamos fazer de nós mesmos que nos religue a Deus. O pecado nos separou de Deus da mesma forma qie o galho foi quebrado da árvore. E foi assim com Adão, Eva, Caim e Abel. Porque A dão e Eva desobedeceram a Deus, foram separados dEle. Por isso, Caim e Abel nasceram fora do jardim e também foram separados de Deus. Eles não podiam mais reatar sua comunhão com Deus. Adão e Eva fizeram roupas para si tentando torna-se aceitáveis a Deus, mas Deus as rejeitou. Caim aproximou-se de Deus de seu próprio modo, e Deus rejeitou tanto Caim quanto sua oferta . Deus era a única pessoa que poderia arranjar um meio através do qual eles poderiam voltar para Ele e ser Seus amigos de novo. Todos nós também somos descendentes de Adão. Todos nascemos pecadores, separados de Deus por causa de nosso pai Adão. Não podemos nos tornar amigos de Deus. Só Deus poderia arranjar um meio de voltarmos a Ele. Deus conversou com o irado Caim. Gênensis 4:6-7 – “Então, lhe disse o Senhor: Por que andas irado, e por que descaiu o teu semblante? Se procederes bem, não é certo que serás aceito? Se, todavia, procederes mal, eis que o pecado jaz à porta; o seu desejo será contra ti, mas a ti cumpre domina-lo.” Apesar de Caim ter recusado crer no que Deus disse e ter chegado a Ele do seu próprio modo, ainda assim Deus conversou com ele. Deus, por causa do Seu amor e misericórdia, conversou com Caim e tentou persuadi-lo a vir até Ele do modo correto. Deus queria que Caim soubesse que ele também seria aceito se viesse até Deus como seu irmão viera, crendo no que Deus disse, oferecendo o sangue e confiando em Deus e em Sua promessa de um Libertador. Caim recusou dar ouvidos a Deus e matou Abel Gênesis 4:8 – “Disse Caim a Abel, seu irmão: Vamos ao campo. Estando eles no campo, sucedeu que se levantou Caim contra Abel, seu irmão, e o matou. Caim ficou muito irado. Ele não ouvira a Deus. Estava dando ouvidos a Satanás, assim como sua mãe e seu pai o fizeram no jardim. Muitas pessoas hoje em dia são como Caim; elas recusam dar ouvidos a Deus e acabam ferindo outros. Às vezes, sua rebeldia contra Deus as conduz à prática de crimes violentos, semelhantes ao de Caim matando seu irmão. Às vezes, a ação é menos violenta – pode revelar-se apenas em atitudes amargas ou egoístas. Mas o resultado é sempre trágico e doloroso a outros. Quem estava influenciando Caim? Quem Caim estava dando ouvidos? Quem vocês acham que colocou na mente de Caim a ideia de assassinar seu irmão? Satanás! Lembre-se de que nós falamos sobre Satanás se um  enganador? Ele quer que nós pensemos que jamais seríamos como Caim – jamais feriríamos ou mataríamos alguém. Mas vejam quão rapidamente a ira de Caim se acendeu! E vejam a sequencia de pecados e violências que seguiu sua rebeldia! Uma coisa que as pessoas raramente percebem é que o pecado conduz à morte, quer seja um assassinato violento, ou um processo lento de simplesmente viver longe de Deus e, finalmente, morrer e ir passar uma eternidade distante da presença de Deus no lago de fogo. No jardim, Satanás assassinou os pais de Caim. Ele lhes disse: “Vocês não morrerão. Não deem ouvidos a Deus. Ele só está tentando priva-los de uma fruta gostosa”. Mas Satanás sabia que se Adão e Eva comessem do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal, morreriam. Ele mentiu quando lhes disse: “Vocês não morrerão” Satanás queria que Adão e Eva morressem, que Caim matasse Abel. Satanás é um assassino. Satanás odeia todas as pessoas e sempre mentirá e engananrá com o propósito de conduzir todos nós para o lugar de castigo eterno para onde ele está indo. Em João 8:44 – “Vós sois do diabo, vosso pai, e quereis satisfazer-lhe os desejos. Ele foi homicida desde o principio e jamais se firmou na verdade, porque nele não há verdade. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira” A Bíblia chama Satanás de homicida. Agora mesmo Satanás ainda está dizendo às pessoas para não crerem em Deus e não crerem na Palavra de Deus, a Bíblia. O Julgamento de Deus sobre Caim Gênesis 4:9 – “Disse o Senhor a Caim: Onde está Abel, teu irmão? Ele respondeu: Não sei; acaso, sou eu tutor de meu irmão?” Apesar de Deus ter feito essa pergunta, já sabia que Caim tinha matado Abel. Deus o viu matando Abel. Deus está em todos os lugares e sabe de tudo. Gênesis 4: 10-15 – “E disse Deus: Que fizeste? A voz do sangue de teu irmão clama da terra a mim. És agora, pois, maldito por sobre a terra, cuja boca se abriu para receber de tuas mãos o sangue de teu irmão. Quando lavrares o solo, não te dará ele a sua força; serás fugitivo e errante pela terra. Então, disse Caim ao Senhor: É tamanho o meu castigo, que já não posso suporta-lo. Eis que hoje me lanças da face da terra, e da tua presença hei de esconder-me; serei fugitivo e errante pela terra; quem comigo se encontrar me matará. O senhor, porém, lhe disse: Assim, qualquer que matar Caim será vingado sete vezes. E pôs o Senhor um sinal em Caim para que o não ferisse de morte quem quer que o encontrasse.” Deus é vingador de todo pecado. Todo pecado contra alguém é também pecado contra Deus. Deus é o Criador de todas as pessoas, por isso, Ele castigou qualquer um que diga ou faça algo danoso contra outra pessoa. Você ficaria parado, olhando, sem fazer nada, enquanto alguém atacasse sua esposo, seu filho, ou alguém que você amasse? Deus é o Criador de todas as pessoas. Ele deu vida a Adão e deu vida a cada um de nós. Apesar de todos nós nascermos separados de Deus, ainda pertencemos a Ele. Deus se preocupa como o que acontece conosco, apesar de sermos pecadores. Assim como nos preocupamos até mesmo com os membros mais rebeldes de nossa família, também Deus se preocupa conosco. E nós pertencemos a Ele por direito, porque Ele nos fez. E se alguém viesse e roubasse se equipamento de som, será que ele seria agora propriedade do ladrão, ou ainda seria seu? É claro que ainda pertenceria a você. E se a pessoa que roubou o seu equipamento o quebrasse? Ainda assim ele pertenceria a você, apesar de estar quebrado. Todas as pessoas, por direito, pertencem a Deus, apesar de Satanás ter roubado Adão e todos nós de Deus. Deus castigará aqueles que ferem outros porque todos, por direito, pertencem a Ele. Uma ofensa não é apenas contra um indivíduo, é contra Deus, porque Ele dá vida a todas as pessoas. Isso não quer dizer que Deus vingará imediatamente todo mal praticado, mas o pagamento por todo pecado terá que ser feito a Deus. O salário do pecado é a morte. Nenhum outro pagamento é aceito. Dar dinheiro por caridade não pagará por nossos pecados. Dar dinheiro para uma igreja não pagará por nossos pecados nem satisfará a Deus. Todo pecado será, finalmente, castigado por Deus, pois Ele é o dono, por direito, de todas as pessoas. Gênesis 4:16 – “Retirou-se Caim da presença do Senhor e habitou na terra de Node, ao oriente do Éden.” Caim, apesar de tudo, não deu ouvido a Deus. Ele se distanciou de Deus, seguindo os caminhos de Satanás. Caim não se arrrependeu; recusou mudar de atitude em relação a Deus e em relação ao seu pecado. Os descendentes de Caim foram materialistas. Os descendentes de Caim seguiram seu exemplo. Eles viveram sem lembra de Deus. Em vez disso, encheram suas vidas com coisas materiais. Construíram cidades, criaram gado e fizeram ferramentas e instrumentos musicais. Não há nada de errado com essas coisas em si mesmas; o que  estava errado é que eles se preocupavam com elas e excluíam a Deus. Preenchiam seu tempo fazendo as coisas  que queriam. Eles não tinham qualquer interesse em Deus ou nas coisas que Ele queria que soubessem. Eles estavam debaixo do controle de Satanás. Vejam que efeito terrível a desobediência a Deus já tinha trazido ao mundo! Porque Adão e Eva pecaram, todos os seus descendentes nasceram pecadores, separados de Deus, sem estarem unidos a Deus. O primeiro filho deles, Caim, assassinou o segundo, Abel. Caim deu as costas a Deus e não deu ouvidos às Suas palavras. Como resultado, os filhos de Caim e os filhos deles também andaram em seus próprios caminhos em vez de andarem nos caminhos de Deus. Eles viviam de acordo com seus próprios caminhos pecaminosos porque não conheciam a Deus, nem tampouco O buscavam ou à Sua verdade. Eram conduzidos por Satanás e suas mentiras. Se os pais se distanciam da verdade de Deus e recusam dar-Lhe ouvidos, provavelmente, seus filhos não darão ouvidos à palavra de Deus. Nós somos responsáveis não apenas por nós mesmos, mas por nossos filhos também. Devemos ouvir a palavra de Deus e assegurar que nossos filhos a ouçam. Deus deu Sete no lugar de Abel Gênesis 4:25 – “Tornou Adão a coabitar com sua mulher; e ela deu à luz um filho, a quem pôs o nome de Sete; porque, disse ela, Deus me concedeu outro descendente em lugar de Abel, que Caim matou” Deus deu a Adão e Eva outro filho no lugar de Abel, o qual fora morto por Caim. No Éden, Deus prometeu enviar um Libertador que derrotaria Satanás. Satanás pensava que o Libertador viria da linhagem de Abel e induziu Caim matar Abel. Satanás tentou de toda a forma impedir o plano de Deus de enviar um Libertador. Isso queria dizer que era o fim do plano e da promessa de Deus de enviar um Libertador? Não! Deus sempre cumpre o que promete. Ele não desiste ou muda de ideia só por causa das coisas que satanás faz. No lugar de Abel, Deus deu Sete a Adão e Eva. Sete também nasceu separado de Deus, mas confiava em Deus exatamente como fizera Abel. Deus planejou que o libertador viria ao mundo através da linhagem de Sete. Conclusão Deus se importa com pecadores Deus se importa com você e comigo Nada pode impedir Seus planos Abel creu em Deus e, mesmo que foi morto, Deus estava cumprindo Sua promessa de enviar o Libertado a favor de todos, que como Abel, creem.

Nenhum comentário: